O HERDEIRO

No mundo das empresas, o tema é sempre importante e urgente: a sucessão empresarial. Lido com empresários que anseiam um processo sucessório exitoso, preferencialmente para algum de seus filhos. Destinei o livro “O Devir” a esse tema, mas, aqui, recorro à mitologia grega, sempre rica nas analogias e metáforas, além de atemporal e universal.

Em Atenas, Dédalo era um empreendedor muito criativo. Sua fama se estendia por toda a Grécia. Os reis compunham seu rol de clientes e não vencia de atender a tantos pedidos, geralmente estátuas para embelezar palácios. Talo, um de seus colaboradores-aprendizes, para a inveja do mestre, de tão talentoso, conseguiu inclusive superá-lo. Talo inventou o torno, o serrote, o compasso e seu gênio criativo parecia não ter limites.

Continue lendo

PARA QUEM AMA A VIDA

A vida abomina o vazio, pois leva a desequilíbrios e manipulações. Ocupações e coisas não essenciais preenchem o tempo e roubam a atenção do foco em que deveria se concentrar. No vazio, predominam as crenças, as suposições e as superstições. Uma vida oca e inconsistente. A boa notícia é que ela pode ser mais!

Consistência depende de conteúdo, de centralidade, de eixo. Um mastro firme que vai impedir o barco de ficar à deriva ao sabor dos ventos e tempestades. A vida precisa de algo que lhe dê firmeza. E que siga uma ordem natural.

Continue lendo

PORQUE A MAIORIA DOS PROPÓSITOS NÃO DÁ CERTO

Observe as frases a seguir e veja se conseguem animar ou emocionar você.
“Crescer financeiramente por meio de um atendimento no nível da excelência, assegurando qualidade e inovação.”
“Ser líder de mercado em benefício dos clientes e acionistas.”
“Maximizar a rentabilidade a prazo curto, médio e ou longo para os acionistas, seguindo as regras de mercado e os padrões éticos.”

Continue lendo

FAÇA A PERGUNTA CERTA

Papéis a examinar sobre a mesa, a caixa de e-mails abarrotada, as mensagens a serem lidas no WhatsApp, os compromissos encavalados na agenda, e muitas outras demandas. O que era importante vira urgente e a esfera profissional continua roubando tempo das outras esferas da vida.

O que fazer?

Uma pergunta cabível é: “do que devo abrir mão?”.

Continue lendo

MANIPULAR OU INSPIRAR?

Tem duas maneiras, tanto de liderar uma equipe como de se relacionar com os clientes: manipulando ou inspirando.

As duas maneiras podem ser ou não coerentes. É coerente liderar uma equipe por meio da manipulação e fazer o mesmo com os clientes, assim como é coerente inspirar a equipe e fazer o mesmo com os clientes. No entanto, as estratégias, tanto para um caso como para o outro, são diferentes.

Continue lendo

VIVA A MELHOR ESTRATÉGIA

Existem duas estratégias que podemos adotar para conduzir a nossa vida. A primeira é tentar fazer com que o mundo externo se adapte ao nosso propósito. A segunda é mudar o modo como vivenciamos o mundo externo para adaptá-lo ao nosso propósito.

Continue lendo

A VIDA COMO AVENTURA FÉRTIL

Tem gente que acha que vai sair caminhando por aí e, de repente, não mais que de repente, acabará tropeçando com o seu propósito. Não é assim, portanto melhor tirar o cavalinho da chuva, como bem poderia dizer, brincando, o Taful, um dos principais personagens de meu livro O Velho e o Menino.

Continue lendo

A BUSCA DE SENTIDO

Nos meus tempos de Fundação Getúlio Vargas tive um professor brilhante, Roberto Venosa, entre outras coisas porque nos fazia aprender por meio da literatura. Líamos vários livros para, a partir deles, compreender as empresas e o mundo dos negócios. Lembro que um me marcou profundamente: “O Deserto dos Tártaros”, do escritor italiano Dino Buzzati.

Continue lendo

A MELHOR OFERENDA.

De tudo, valeu o abraço amigo, a conversa sincera, o brilho nos olhos.

A palavra encorajadora.

O sorriso que abre delicadamente as portas dos inúteis jardins secretos, onde escondemos a nossa melhor parte.

A lágrima deslizando pela face tantas vezes oferecida.

As confidências compartilhadas e que afugentaram os medos.

Continue lendo

QUAIS SÃO AS SUAS PRIORIDADES?

Existe um erro nessa pergunta. Você consegue identificá-lo? Se não, é possível que cometa alguns outros na maneira de conduzir a sua vida.

Caso aceite bem o plural da palavra prioridade, posso concluir que você não sabe qual é a sua.

Continue lendo